Nos últimos dias, várias têm sido as notícias veiculadas que alertam para o resgate, por parte da Câmara Municipal de Braga, da concessão de gestão de estacionamento pago na via pública, em várias vias estruturais da cidade de Braga.
A Juventude Socialista vem por este meio manifestar o seu agrado pela tomada de posição, que se espera firme, por parte da CMB, remontando assim ao cumprimento de uma promessa eleitoral de 2013 por parte do atual executivo.
Convém, ainda assim, clarificar, entre outras, duas questões:

– Haverá, assim sendo, uma melhoria no impacto direto para os utilizadores destas vias? Impõe-se que este resgate se reflita num decréscimo dos preços abusivos praticados, até então, pela entidade ESSE que em nada estimulavam os diferentes setores subjacentes às áreas em que o pagamento do estacionamento na via pública se encontra adstrito.

– Qual a data a partir do qual será, efetivamente, o resgate consumado? A entidade ESSE fez saber, por comunicado, que até decisão do tribunal, por alegada indisponibilidade de diálogo por parte do executivo camarário, o resgate se encontra suspenso. Importa clarificar e agir, de forma peremptória e intransigente de acordo com os interesses dos cidadãos bracarenses.

A JS Braga permanece, assim, ao lado dos bracarenses no respeito inequívoco dos seus interesses, pugnando, simultaneamente, pela devolução, ao erário público, do estacionamento em espaço coletivo da sociedade, reiterando a abrangência desta medida para todas as vias que se possam encontrar, hoje ou no futuro, à margem desta opção política.
Propor, lutar, clarificar e auxiliar. Os desígnios dos jovens socialistas permanecerão sempre presentes no dia-a-dia da nossa comunidade.

Saudações socialistas,
JS Braga

https://www.correiodominho.pt/noticias/camara-municipal-de-braga-resgata-concessao-da-esse/106837

COMUNICADO

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza cookies próprios e de terceiros. Se continuar a navegar, consideramos que aceita o seu uso.